À mesa com Izakeline Ribeiro: Para refrescar

Os bartenders Mauricio Campos e Kaique Alves ensinam quatro drinques para você preparar e compartilhar neste Carnaval

Postado em : 09/02/2018 5h05 Em:

Refrescantes e mais acessíveis, os drinques em jarras são perfeitos para compartilhar, além de garantir muito sabor e praticidade para quem estará com a família ou grupos maiores de amigos neste feriado de Carnaval.

Clique aqui para conferir como preparar o Mojitão

Clique aqui para conferir como preparar o Mojitão

 

Se você ficar atento ao tempo médio de consumo, verificando o derretimento do gelo, não vai ter melhor escolha. É o que garantem os bartenders Maurício Campos e Kaique Alves. Segundo eles, neste tipo de coquetel, o fundamental é que as pedras de gelo sejam grandes para manter a bebida resfriada por mais tempo. Outro cuidado importante é a quantidade de bebidas alcoólicas. “Como ele é servido em jarra e seu grande objetivo é ser um drinque refrescante, corre-se o risco de elevar drasticamente a ingestão de grandes doses de álcool. O equílibrio é essencial”, afirma o bartender.

Clique aqui para conferir como preparar o “Chá” Mate Nordestino

Clique aqui para conferir como preparar o “Chá” Mate Nordestino

 

Para esse tipo de drinque, o bartender Kaique Alves indica o uso de destilados como vodkas, rum, gin, cachaça, além dos fermentados vinhos brancos, tintos e espumantes. “É possível alcançar boas variações, mas em dosagens corretas. Refrigerante de limão, água tônica ou até mesmo com gás, licores frutados e xaropes complementam as composições”, ressalta Kaique, que também indica o limão como a fruta ideal para inserir em drinques com cachaça; o hortelã para combinar com rum e frutas, como seriguela, caju e cajá, para serem preparadas com vodka.

Clique aqui para conferir como preparar o Monster Tapias

Clique aqui para conferir como preparar o Monster Tapias

 

Maurício completa que se deve usar muito suco, gaseificação (tônica, espumante, água com gás), xaropes e licores, enquanto que as bebidas alcoólicas devem ser inseridas com moderação. “Tudo que refresque e hidrate será sempre bem-vindo em coquetéis compartilhados”, ressalta. Segundo ele, uma boa apresentação também será sempre fundamental. Desta forma, a sugestão é escolher uma jarra ou recipiente bem atraente e usar bastante decoração com frutas. Além da estética, elas vão equilibrar as cores dos sucos e licores utilizados.

Clique aqui para conferir como preparar o Icapuí

Clique aqui para conferir como preparar o Icapuí

 

Para finalizar, a dica mais importante: beba com moderação!

 

PERFIL

Mauricio Campos

O paulistano está em Fortaleza há cinco anos e desde 2002 atua como bartender. Formado pela Universidad del Cocktail (Buenos Aires – Argentina), Senac (SP), ABB (Associação Brasileira de Bartenders) e IFTO (Organização de Eventos). Já passou por 22 Estados e mais de 600 cidades, ministrando cursos, palestras e consultorias. Atualmente, é professor de Mixologia e trabalha no projeto do Mercado Cultural dos Pinhões.

bartender Maurício Campos

Kaique Alves

Em Fortaleza há 1 ano, o paulistano iniciou sua trajetória como cumim, passou a garçom até ter a oportunidade de trabalhar diretamente no bar, onde fez o papel de apoio, inicialmente, até ser promovido a bartender. Nesse período, fez cursos no próprio estabelecimento, como a Academia Órbita Blue Team, e também com Rafael Andra (BobFlair).

bartender Kaique Alves

Busca Estabelecimentos

digite os campos abaixo para fazer uma busca refinada em nossos estabelecimentos: